ARTIGO: Suzano, o Dia das Crianças e a Desmoralização Classe Política

Por Marcelo Mendonça
 
O fim de semana foi de festa na cidade de Suzano, principalmente na periferia, na verdade foi de muita festa, festa demais! Não houve um bairro da periferia, um conjunto habitacional, uma comunidade carente que não tenha ocorrido uma “festa para as crianças “.
 
Foram tantas, em casas, igrejas, condomínios e até mesmo em ruas inteiras fechadas, em tantos locais diferentes que um desavisado nunca diria que estamos em uma recessão na economia.
 
No entanto, com uma análise mais atenta, temos a explicação para toda essa euforia: Falta um ano para as eleições municipais!
 
Com uma câmara composta de 21 vereadores, Suzano pode ter mais de 600 candidatos a vereador, além dos candidatos a Prefeito no próximo ano e para uma boa parcela destes “políticos”, é uma ótima oportunidade de mostrar toda sua simpatia e carisma, beijando crianças e abraçando moradores em comunidades carentes e bairros da cidade.
 
Claro que há iniciativas legitimas e sem interesses tanto de comunidades, como grupos de amigos, que inclusive espero que sejam a maioria, contudo, uma verdadeira invasão de fotos de possíveis pré – candidatos em diferentes “festas para crianças” que vimos no Facebook neste final de semana e feriado não deixa dúvidas.
 
Esta prática é na verdade muito antiga, essa forma de se fazer política vem desde o império romano e é conhecida desde então como Política de Pão e Circo.
 
Veja só :
 
“A política do Pão e circo como ficou conhecida, era o modo com o qual os líderes lidavam com a população em geral, para mantê-la fiel à ordem estabelecida e conquistar o seu apoio… as autoridades acalmavam o povo com enormes arenas, nas quais realizavam-se espetáculos envolvendo, espetáculos com palhaços, artistas de teatro, corridas de cavalo, gladiadores, animais ferozes, corridas de bigas, quadrigas, acrobacias, bandas… A vantagem de tal prática era que, ao mesmo tempo em que a população ficava contente e apaziguada, a popularidade do imperador entre os mais humildes ficava consolidada.” (Fonte: http://www.infoescola.com/historia/politica-do-pao-e-circo/)
 
Parecido não?
 
Contudo, felizmente, a população está cada vez mais consciente e crítica, erram os políticos que imaginam que a população não percebe que estes mesmos que esbanjaram sorrisos, beijos e abraços neste feriado não estavam ali há 01 ano atrás. Sabem também que festas, presentes às dúzias, fardos de refrigerantes e enormes brinquedos alugados custam muito dinheiro para ter saído do salário de um trabalhador. E ela levará isto em consideração no ano que vem quando escolher seus candidatos. Esperamos que esta seja a realidade no próximo pleito eleitoral.
 
O mais triste é ver atitudes assim dos que pretendem ocupar postos como representantes dos interesses da população, métodos assim estão no centro da causa da desmoralização da classe política em Suzano e no Brasil.

Comentários no Facebook