Carlos Lapique assume comando da FEMPI e pede união do setor industrial

Foto: Douglas Cordeiro / Cape Press Comunicação.
Empresário de 61 anos assumiu a presidência da instituição na noite da última terça-feira (19 de dezembro) em evento com 150 convidados
 
Com a sentimento de que é preciso cada vez mais unir os empresários de Itaquaquecetuba em prol do desenvolvimento da cidade e geração de empregos, o empresário Carlos Lapique, 61, assumiu a presidência da Frente Empresarial Pró-Itaquaquecetuba (Fempi), na noite da última terça-feira (19 de dezembro), em evento que reuniu cerca de 150 convidados, entre autoridades, empresários, associados e dirigentes. Ele vai suceder o ex-presidente Augusto César Santos.
 
Na segunda passagem à frente da entidade, após comandá-la em 2011, Carlos Lapique prega uma maior união entre os empresários da cidade na luta por ideias e práticas que desenvolvam a cidade, gerem emprego e renda. Para tanto, pretende alinhar a agenda da Fempi com mecanismos que gerem resultados para a cidade. “Nessa nova passagem buscarei sempre ampliar as ações da Fempi em diversos campos, buscando sempre ampliar o nosso leque de serviços. Vamos buscar novos ambientes para uma Itaquaquecetuba muito mais promissora nesse próximo ano. Isso quer dizer que vamos implementar nossos serviços, mês a mês, atividades buscando mais tecnologias, melhores ambientes jurídicos, palestras e mecanismos de recursos humanos”, afirmou.
 
Ele ainda classificou como difícil a tarefa de substituir o empresário César Santos. O ex-presidente aproveitou para agradecer a experiência à frente da Fempi e fez um breve balanço. “Para mim foi uma grande satisfação e experiência presidir essa instituição que representa tanto os empresários de Itaquaquecetuba. Conseguimos honrar nossos compromissos e aglutinar mais empresários”, destacou.
 
Diretoria
Na oportunidade também foi apresentada a nova diretoria da instituição, que agora é dividida por núcleos da seguinte forma: Tecnologia, Wagner Ramos; Turismo, André Domeni; Empreendedorismo, Dimitrios Asvestas; e Urbanismo, Lucas Morais. A tesouraria ficará por conta do ex-presidente Eugênio Rego (2014-2015).
 
Biografia
Nascido na Espanha e naturalizado brasileiro, depois de chegar nestas terras com apenas 5 anos de idade, Carlos Lapique é formado em Engenharia Mecânica, com MBA em administração industrial, doutorando em engenharia industrial. O empresário fundou sua primeira empresa na cidade em 1991 e, desde então, tem ampliado seus negócios na cidade. Atualmente, o novo presidente da Fempi possui três empresas na cidade e emprega centenas de trabalhadores.

Comentários no Facebook