Dia Mundial Sem Tabaco/ 8 milhões de pessoas no mundo devem morrer de câncer de pulmão até 2030

No Brasil incidência deste tipo de câncer aumentou em 30% nos homens e 80% nas mulheres
O tabaco mata quase seis milhões de pessoas por ano. Destas, mais de 600 mil são fumantes passivos (pessoas que não fumam, mas convivem com fumantes). Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), estão previstas mais de oito milhões de mortes por ano a partir de 2030.
Para sensibilizar as pessoas sobre os malefícios causados pelo cigarro e seus derivados, a Organização Mundial da Saúde (OMS) criou o Dia Mundial sem Tabaco, comemorado anualmente nesta quarta-feira (31/05), desde 1987. A data foi lembrada em Mogi das Cruzes no último sábado (27/05) com uma ação de prevenção no centro da cidade. Fumantes e ex-fumantes foram atendidos por profissionais do Centro Oncológico Mogi das Cruzes e estudantes do curso de Fisioterapia da Universidade Braz Cubas, e fizeram testes de respirometria.
O médico cancerologista Flávio Isaias Rodrigues, diretor clínico do Centro Oncológico Mogi das Cruzes, alerta para os malefícios causados pelo uso do tabaco. “Ele não causa somente o câncer de pulmão. Provoca também câncer de boca, esôfago, intestino, aumentas incidências de câncer de mama e muitos outros tipos de tumores”.
Segundo o especialista, uma pesquisa recente publicada por professores da Universidade São Paulo (USP) e pela Faculdade de Saúde Pública, apontou que a incidência de câncer de pulmão aumentou em 30% em homens e 80% em mulheres, entre 2015 e 2016. “São dados alarmantes, que mostram o quanto é importante mudar emergencialmente os nossos hábitos. Embora a legislação atual tenha contribuído para a redução do uso do cigarro, por exemplo, a população ainda precisa se conscientizar dos problemas de saúde que sofrerão com o uso contínuo”, avisa.
A ponta do cigarro quando acesa se transforma em uma verdadeira bomba tóxica, pois atinge uma temperatura média de mil graus centígrados, potencializando todas as substâncias químicas do tabaco, que são ingeridas pelo organismo.
Prevenção
O Centro Oncológico Mogi das Cruzes tem um programa de prevenção chamado “Previna-se”, que leva palestras gratuitas para empresas da região sobre os tipos mais comuns de câncer. Empresas interessadas podem entrar em contato pelo telefone 4795-4795, de segunda a sexta-feira, em horário comercial. (Com informações da Linha Fina)

Comentários no Facebook