Prefeitura de Ferraz distribui doações da Campanha do Agasalho no Cambiri

O Fundo Social de Solidariedade de Ferraz de Vasconcelos fez a entrega de peças de roupas e cobertores para os moradores do Cambiri durante a última a semana de agosto. As doações são provenientes da Campanha do Agasalho 2015 – “Roupa Boa, a Gente Doa”, que teve início, em Ferraz de Vasconcelos, no dia 27 de maio.

 

A campanha visa angariar peças de roupas, calçados e cobertores. A meta é alcançar 200 mil unidades, para ser distribuídos aos menos favorecidos de Ferraz. A iniciativa que já passou por mais de 20 bairros, chegará ao fim na segunda quinzena do mês corrente.

As entregas foram feitas pelo órgão presidido pela primeira-dama Viviane Vieira dos Santos, e contou com apoio das Secretarias Municipais de Promoção e Desenvolvimento Social; Habitação; Saúde; Educação; Juventude, Esporte e Lazer; Cultura e Turismo; e Indústria, Comércio, Ciência e Tecnologia. O Centro de Convivência do Idoso (CCI), a Casa da Mãe Ferrazense, o Espaço Jovem, o Centro de Referência da Assistência Social (Cras), o Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT), e o Centro de Integração Social (CIS), também participaram do evento.

 

Segundo a secretária de Promoção e Desenvolvimento Social, Francisca Henrique de Oliveira, a Fran, esta dinâmica entre os órgãos tem sido fundamental para a aproximação com os munícipes. “A Campanha do Agasalho em Ferraz tornou-se um acontecimento social abrangente, porque não apenas distribuímos as doações, mas ouvimos, orientamos e encaminhamos inúmeras demandas que a população tem e que muitas vezes não chegam até os órgãos competentes. Com essa ação social conjunta, a gente vai até as necessidades dos munícipes”, afirma.

 

De acordo com a primeira-dama de Ferraz, o objetivo da ação é ajudar a população que não tem condições de adquirir um agasalho para a temporada mais fria do ano, ao passo em que cria-se um elo entre a comunidade ferrazense e o Fundo Social em alerta ao exercício da solidariedade.

 

“Descobrimos uma fórmula que tem funcionado muito bem. Vamos até as pessoas, levamos ajuda imediata, como é o caso dos cobertores e roupas, que são necessários no inverno, mas também levamos oportunidade para que elas tenham condições de fazer cursos, de serem atendidas em questões trabalhistas, orientações referentes à saúde e educação. Tudo isso traz dignidade ao nosso povo”, conclui Viviane.

 

Texto: Paulo Pavione.

Fotos: Will de Oliver / Secom Ferraz


Comentários no Facebook